Por que Portugal deveria ser considerado o país dos casinos

Por que Portugal deveria ser considerado o país dos casinos

Eles são a casa do entretenimento por meio dos jogos e das apresentações musicais. Os casinos, tão conhecidos no mundo todo, também estão espalhados por Portugal. De norte a sul do país, até mesmo na ilha de Funchal, há esse estabelecimento em funcionamento.
Uma vez dentro de uma sala de casino, a diversão vem de todos os lados com máquinas, mesas de jogos e apresentações musicais.
Para a diversão, não é nem preciso dominar o linguajar do casino com suas frases e termos variados. Aqui o entretenimento é intuitivo e também possível para quem nunca visitou os salões de jogos anteriormente.
Em Portugal, atualmente são 11 a funcionar e todos eles estão muito bem situados para cobrir as mais diversas regiões portuguesas.

Tradição que remonta ao início do século passado
Entre os casinos a funcionar atualmente, a história já atinge quase os 100 anos com o Casino Estoril. Considerado como um dos maiores da Europa, esse estabelecimento combina tradição e modernidade.
Inaugurado em 1931, o Casino Estoril impressiona pela sua imensidão. Os jardins deste lugar são tão imponentes que até mesmo sediam competições desportivas, como padel e outras. Por dentro do casino, a diversidade de jogos é enorme – com máquinas e mesas com a qualidade que acompanha a tradição do lugar.
Quanto aos eventos indoors realizados por lá, o Casino Estoril sedia a maioria no Salão Preto e Prata. Para espetáculos, como festa de ano novo e outras datas célebres, a sala é equipada com tecnologia state-of-the-art com capacidade para receber até mil pessoas.

Considerado como maior complexo de animação e lazer de Portugal, o Casino Estoril também tem um auditório com capacidade para 350 pessoas.

CC BY 2.0

O Casino Estoril não é o único do país com tamanha história. O Casino da Póvoa, localizado ao norte, abriu as suas portas pela primeira vez ao público em 1934.
Sitiado em um edifício que combina os estilos neoclássicos e modernistas, o Casino da Póvoa ajudou no desenvolvimento da cidade de Póvoa de Varzim por ser um dos maiores complexos de entretenimento de toda região.
Além dos jogos, que estão disponíveis em grande quantidade, este casino é um espaço de cultura e a agenda de espetáculos normalmente está quase sempre lotada.

Outros casinos tradicionais de Portugal
Além dos tradicionais Casino Estoril e Casino da Póvoa, há outros em Portugal que ajudam a tornar o país como um dos mais relevantes do continente europeu quando o assunto é casino.
Uma cidade muito tradicional no ramo dos casinos é Figueira da Foz. Localizada no distrito de Coimbra, ela teve o seu primeiro estabelecimento do sector há mais de 100 anos.
Alguns anos após ter sido elevada à categoria de cidade, em 1884 Figueira da Foz estreou o Theatro Circo Saraiva de Carvalho, que mais tarde incorporou jogos de casino. Em 1928, o lugar passou a chamar-se Casino Peninsular.
O Casino Peninsular fechou algumas décadas mais tarde, o que deixou Figueira da Foz sem um estabelecimento do sector por muito tempo. Em 2005, o actual casino foi inaugurado e segue a dar continuidade a toda tradição que a cidade tem com os jogos.

CC BY-SA 4.0

Outro casino de importância histórica para Portugal está localizado na Ilha da Madeira. Grande referência de entretenimento na ilha mais popular de Portugal, esse estabelecimento inaugurou os seus trabalhos em 1979, tendo sido projectado pelo conhecido arquitecto Oscar Niemeyer. No caso, o casino na Ilha da Madeira é a única obra feita por Oscar Niemeyer em Portugal.
Por último, vale a pena citar o Casino Espinho, que é o mais próximo situado de S. João da Madeira. Relevante ao sediar eventos de importância nacional, este estabelecimento está a aproximadamente 20 minutos de distância de carro de S. João da Madeira.
Com tantas opções tradicionais assim para os moradores locais e turistas, não é exagero afirmar que Portugal também é o país dos casinos e, por ser um negócio em expansão, a tendência é o número desses estabelecimentos aumentar com o passar das décadas.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.