Opinião

Natal de 2022

• Favoritos: 38


Infelizmente, o nascimento, a vida e a morte de Jesus ainda não tiveram ao seu alcance a realização dos propósitos divinos.

Todos os anos se comemora o Natal e o nascimento do Menino Jesus que veio ao mundo em socorro da Humanidade.
Há mais de dois mil anos, a propósito dos fins desta efeméride cristã se apela à Paz, à solidariedade e, todos os anos, por toda a parte, se realizam manifestações destes sentimentos.
Já era caso para que a Humanidade fizesse dos seus sentimentos que o Natal semeia, os resultados que se esperava.
Infelizmente, o nascimento, a vida e a morte de Jesus ainda não tiveram ao seu alcance a realização dos propósitos divinos.
Mas algum bem resulta dos sentimentos que enobrecem o coração do Homem, que, pelo menos, nestas alturas, esquece um pouco o interesse pelos bens terrenos e torna-se mais generoso para com os que têm vida atribulada.
Por isso, não está tudo perdido.
O que é preciso é que essa generosidade continue durante todos os dias.
Há fome no Mundo.
Morre-se de fome no Mundo!
A ciência tem progredido. A Humanidade alcançou tantos progressos, a inteligência do Homem fez tantas descobertas!
Assim, concorressem elas para o bem de todos.

38 Recomendações
74 visualizações
bookmark icon