Negócios

A “excelência italiana” no sector aeronáutico: conheça o trabalho da Magnaghi Aeronáutica (MA Group)

• Favoritos: 12


Cinema, culinária, futebol, arte, música: a tradição e qualidade italiana estão por todas as partes e sectores. De Da Vinci a Caravaggio, de Paolo Rossi a Roberto Baggio, de Bocelli a Måneskin: seja no passado ou no presente, nos palcos globais, o brilho do País da Bota costuma ofuscar o de outros. Na aeronáutica, não é diferente.

Sinónimo de excelência no sector aeronáutico, a Magnaghi Aeronáutica (MA Group), italiana di certo, é uma empresa especializada na conceção, certificação, produção e posterior comercialização de sistemas de engrenagens de aterragem, equipamentos, sistemas e instalações hidráulicas para uso aeroespacial.

Liderada por seu CEO Paolo Graziano, a corporação de 75 anos conquistou o mercado internacional com escritórios em Itália, Estados Unidos e Brasil, tornando-se sócia dos mais importantes fabricantes de aeronaves do mundo.

Para Paolo Graziano, o êxito da empresa vem de suas raízes. “O segredo é a engenhosidade italiana, uma qualidade que outrora engrandeceu o nosso país, que faz parte da nossa tradição e que hoje representamos os seguidores. É graças à combinação da engenhosidade, competências técnicas e investigação tecnológica, que uma empresa de média dimensão, como a nossa, compete com empresas americanas ou chinesas muito maiores”, afirma.

Raízes estas que, além de italianas, são, principalmente, napolitanas. Graziano destaca, ainda, que a preocupação com o consumidor é um dos pontos que fortalece a Magnaghi Aeronáutica (MA Group). “Somos um grupo, não só orgulhosamente italiano, mas também orgulhosamente napolitano. A capacidade de adaptação, de encontrar soluções rápidas, de responder rapidamente aos pedidos dos clientes, permite-nos ser competitivos”, declara.

Para o CEO da Magnaghi Aeronáutica (MA Group), não se faz inovação sem pessoas por trás de todo o processo. “O capital humano é fundamental para nós: afinal, a tecnologia sem a competência do técnico para supervisioná-la é inútil. Temos não só tecnologias e processos de engenharia que representam o estado da arte no nosso sector, mas também técnicos altamente qualificados, que conheço perfeitamente e em quem tenho absoluta confiança”, disse.

Mas não é somente com a tecnologia que Graziano e a Magnaghi Aeronáutica (MA Group) se preocupam: a questão ambiental também é uma pauta importante dentro do dia a dia da empresa italiana. “A sustentabilidade ambiental já não é uma escolha, mas um dever. Comprometer-se a salvaguardar o planeta significa respeitar as gerações futuras, proporcionando-lhes um ecossistema saudável”, afirma.

“Tentamos encontrar soluções e tecnologias inovadoras que sejam o mais "verdes" possível. Este ano, vamos também acrescentar ao nosso balanço, o da sustentabilidade, porque as ações que implementamos e o compromisso ligado ao ambiente merecem uma atenção especial que teremos todo o gosto em partilhar com os nossos colaboradores e clientes”, complementa.

Crise do COVID-19

A pandemia do novo coronavírus pegou o mundo de surpresa e, com o sector de atuação da Magnaghi Aeronáutica (MA Group) não foi diferente. Entretanto, para o CEO da empresa, Paolo Graziano, este foi um momento de reinvenção. “A pandemia, obviamente, também afetou o sector aeronáutico, mas para o Grupo foi um momento para transformar a crise numa oportunidade. O trabalho inteligente foi lançado em tempo recorde, o que nunca antes tinha sido feito, e ao mesmo tempo gerimos as entradas da empresa seguindo protocolos muito rigorosos”, pontua.

Na visão de Graziano, mais uma vez, o espírito italiano foi fundamental para a adaptação da organização ao chamado new normal. “No domínio comercial, não perdemos parte de mercado, continuámos a trabalhar, a preparar-nos para quando a pandemia tiver passado. Em crises, apesar de tudo, somos capazes de dar o nosso melhor, temos a capacidade, talvez ditada pela alma napolitana, de tornar o impossível possível”.

Sobre a Magnaghi Aeronáutica (MA Group)

A Magnaghi Aeronáutica (MA Group) possui três escritórios em Itália, dois nos Estados Unidos e um no Brasil. De 2000 a 2020, as receitas da empresa passaram de 19 milhões de euros para 91 milhões de euros. Até o momento, a companhia italiana tem 8 fábricas em 4 continentes e 900 colaboradores no atual quadro de funcionários.

Na aeronáutica, só aqueles com raízes profundas podem olhar para o amanhã e desafiar o futuro, e é essa visão que faz a Magnaghi Aeronáutica (MA Group) estar sempre um passo à frente.

 

 

12 Recomendações
76 visualizações
bookmark icon