Junta de Freguesia de Arrifana está a abrir espaços públicos de forma faseada

Junta de Freguesia de Arrifana está a abrir espaços públicos de forma faseada

Desde segunda-feira, 4 de maio, que a Junta de Freguesia de Arrifana está a abrir de forma faseada os espaços públicos da freguesia. Com a passagem de Estado de Emergência para o Estado de Calamidade, a retoma da atividade em muitos setores arrancou e, nesse sentido, vários são os serviços públicos que estão a abrir, mas com regras de segurança bastante explícitas. Na segunda-feira, abriu a secretaria da junta e, na quarta-feira, o cemitério paroquial e Zona de Lazer da Azenha.
A Junta de Freguesia de Arrifana deu arranque à reabertura de vários espaços públicos de forma faseada. Na segunda-feira, 4 de maio, e após Portugal ter passado de Estado de Emergência para Estado de Calamidade, no âmbito da pandemia da Covid-19, reabriu os serviços de secretaria da Junta de Freguesia, mas respeitando as normas definidas pela Direção-Geral de Saúde e tendo sempre presente a defesa da Saúde Pública e o bem-estar das pessoas.
Apesar da abertura dos serviços, a junta informa que será dada primazia aos serviços solicitados por via eletrónica ou por telefone. O atendimento presencial será feito a uma pessoa de cada vez, estando a porta da sede fechada, será obrigatório o uso de máscara de proteção ou viseira e deverá ser feita a higienização das mãos através de um dispensador existente na sede da Junta de Freguesia. Os fregueses deverão ainda manter o distanciamento social, cumprindo com as marcações existentes no chão do edifício.

Cemitério Paroquial reabriu
Entretanto, outros serviços irão ser retomados ao longo deste mês. Esta quarta-feira, 6 de maio, abriu o cemitério paroquial, que passa a ter o horário de abertura às 8h00 encerrando às 18h00. É obrigatório o uso de máscara ou viseira e não são permitidos ajuntamentos de pessoas, mantendo-se o distanciamento social. Os baldes e as vassouras são também retirados por medida de prevenção de eventuais contágios, e será feita uma monitorização diária com vista ao respeito pelo cumprimento das normas.
Já em relação aos funerais, continua a não ser permitido a realização de velórios, as cerimónias fúnebres são restritas aos familiares diretos, até um máximo de 15 pessoas no interior da capela, sendo também o uso obrigatório de materiais de proteção individual, o distanciamento social e a higienização das mãos. Não serão permitidos os cumprimentos fúnebres da parte de amigos, mantendo-se as cerimónias a serem realizadas de igual forma como agora, sem permissão de abertura dos caixões.
Também ontem, quarta-feira abriu ao público a Zona de Lazer da Azenha, sendo só possível a utilização de equipamento de street workout a uma pessoa de cada vez, não é permitido corridas coletivas, não são permitidos piqueniques, e apenas se podem fazer passeios de higienização e de manutenção individuais, até ao máximo de três pessoas, desde que cumpridas as regras de distanciamento social.
A partir de 11 de maio, abrirá o acesso à Casa da Juventude, sendo que a porta estará sempre fechada e apenas permitida a presença de duas pessoas, com o devido equipamento de proteção individual e higienização das mãos.

Mercados dominicais regressam a 17 de maio
Por último, a 17 de maio, serão retomados os mercados dominicais, mas seguindo as normas e diretrizes da Direção-Geral de Saúde. Os feirantes terão de usar máscara ou visiera, luvas cirúrgicas devidamente preservadas, dispensador de álcool gel para os clientes, é obrigatória a desinfeção das mãos após o atendimento a cada cliente, sendo que só pode ser um de cada vez. No final da feira, cada feirante tem a obrigação de recolher todo o lixo produzido e depositá-lo nos contentores do lixo espalhados pelo recinto, mediante a imediata expulsão em caso de não cumprimento.
Já no que diz respeito aos clientes, são também obrigados ao uso de máscara ou viseira, manter o distanciamento social, proibido mexer nos produtos expostos sem que tenha havido uma devida desinfeção das mãos e não são permitidos ajuntamentos de mais de três pessoas. Todas estas regras serão monitorizadas pelos serviços da autarquia e das forças de segurança.

Paulo Guimarães

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.