Desporto

Sanjoanense junta-se aos lugares de subida

• Favoritos: 12


Anadia FC, 0 - AD Sanjoanense, 2

Árbitro – Sérgio Jesus

Anadia: Luís Pedro, Nivaldo, Miguel Campos, Gustavo, João Nogueira, Miranda (Tamble 72), Elsinho (Tocantins 58), Nuno Pereira (Elísio 58) , Leandro Borges (Batista 72), Fausto Lourenço (C) e Diogo Ramos (Helder Castro 58).
Treinador – Alexandre Ribeiro,

Sanjoanense: Gabriel Souza, Aldair, Edgar (C), André Paço, Jorge Pereira, Ousmane (Vitor Braga 73), Ruben Alves (Brito 88), Pedro Pinho, Lucão (Manga 64), Rui Pedro (Didi 88).
Treinador – Tiago Moutinho

Golos: Miguel Campos (auto-golo, 7) e Ousmane 20 minutos.

A Sanjoanense regressou às vitórias depois de três empates consecutivos, aproximando-se dos primeiros lugares. Sem margem para errar a Sanjoanense entrou com todo gás no jogo com Ousmame no primeiro lance de perigo enviou a bola à barra. O primeiro golo da Sanjoanense surgiu ao sétimo minuto, Aldair com um cruzamento para área, o defesa Miguel Campos a tentar cortar a bola introduziu-a na própria baliza. A Sanjoanense não tirou o pé do acelerador aumentou a vantagem, Ruben Alves na marcação de um livre colocou a bola na área e Ousmane com um potente remate fez o golo. O Anadia tentou reagir por intermédio de Fausto Lourenço mas sem êxito. Ao intervalo registava-se uma vantagem de dois golos para os alvinegros.
Na segunda parte a Sanjoanense acentuou o controlo da partida, até ao momento que ficou reduzida a 10 elementos por uma discutível expulsão de Aldair. A partir daí o Anadia criou algumas oportunidades mas a defesa da Sanjoanense esteve intransponível. Aos setenta minutos o árbitro da partida fez vista grossa a uma mão na área do defesa do Anadia, não assinalando grande penalidade. Até final destaque para Didi que entrou nos últimos minutos, teve nos pés duas oportunidades para dilatar a vantagem, na primeira o guarda-redes defendeu e na segunda enviou a bola por cima da baliza.
Com este resultado a Sanjoanense aproximou-se dos quatro primeiros lugares que dão acesso a disputar a subida, quando faltam três jogos para o final desta fase.
No final do jogo o plantel de futebol da Sanjoanense dedicou a vitória ao Henrique Queirós, e presenteou-o com um par de chuteiras. Jovem muito querido no seio da equipa que nos tem acompanhado e apoiado durante a época.

Declarações de Tiago Moutinho“Entrada muito forte no jogo com dois golos e uma bola no poste. Estivemos sempre concentrados e agressivos. Na segunda parte, e após a expulsão injusta do Aldair, defendemos bem e demos a vida pelo clube e pelos três pontos. Obrigado aos adeptos que nos ajudaram na vitória. Não desistimos.”
No próximo sábado, às 15 horas, os alvinegros recebem em casa o São João de Vêr.

12 Recomendações
50 visualizações
bookmark icon