Cultura e Lazer

“António, Sem Título” desvenda o universo da ilustração de moda de António Soares

• Favoritos: 24


No sábado, dia 18 de maio, foi inaugurada a exposição “António, Sem Título”, celebrando o trabalho do ilustrador de moda António Soares, conhecido pelas suas colaborações com marcas icónicas e publicações prestigiadas.

A exposição “António, Sem Título” reúne mais de três dezenas de ilustrações, apresentando ao público “uma visão abrangente do talento e da criatividade” de António Soares. A curadora da exposição e diretora do Museu do Calçado, Sara Paiva, enfatizou a importância do trabalho do ilustrador, mencionando as suas colaborações com marcas internacionais e publicações em imprensas prestigiadas. Sara Paiva agradeceu ainda ao artista “pela doação de duas peças à coleção do museu”, reforçando o seu reconhecimento “pelo empenho e dedicação de António” ao projeto.
Uma homenagem ao trabalho de António Soares, a exposição “António, Sem Título” partilha a história do ilustrador de moda que, apesar da falta de reconhecimento institucional em Portugal, “deixou uma marca indelével no cenário artístico nacional e internacional”. O seu percurso na ilustração de moda começou no CITEX – Centro de Formação Profissional da Indústria Têxtil, onde começou a criar retratos de moda, inicialmente focando-se nos rostos, para depois vestir as figuras com criações detalhadas.
O presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira, Jorge Vultos Sequeira, também marcou presença no evento, sublinhando a relevância da exposição para a história do Museu do Calçado, acentuando “a importância do museu em transformar a indústria do calçado em produto cultural e turístico”, e agradeceu ao Chefe de Estado de Cabo Verde pela sua presença, que trouxe mais destaque à inauguração.
António Soares, agradeceu a todos os presentes e à equipa do museu pelo apoio, confessando que inicialmente “estava relutante em realizar a exposição, mas que não se arrepende do resultado final, fruto de um processo colaborativo com a curadora” Sara Paiva e a equipa do museu.
O trabalho do ilustrador é “reconhecido e celebrado”, não só em Portugal, mas também internacionalmente. António Soares ilustrou criações de designers portugueses como Alexandra Moura, Luís Buchinho e Nuno Baltazar, além de colaborar com nomes da moda internacional como Chanel, Fendi, entre outras. As suas ilustrações têm sido publicadas em revistas de renome mundial, incluindo Vogue China, Marie Claire e The New Yorker, e é o autor da contracapa da revista Portuguese Soul.
Uma celebração da arte e da moda, “uma janela para o mundo colorido e detalhado de António Soares, onde cada obra conta uma história e convida o público a explorar a beleza e a criatividade” que definem a sua carreira. O Museu do Calçado, com esta exposição, reafirma o seu papel como um espaço de aprendizagem e experimentação, onde o passado e o presente se encontram para inspirar futuras gerações.

24 Recomendações
60 visualizações
bookmark icon