Questões da nossa Cidade – DCCCIII

I – É o costume De alguns anos a esta parte, existem obras municipais de requalificação na cidade que se vão repetindo ciclicamente pelos executivos camarários. São elas: a rua da Liberdade, a rua Júlio Dinis, a Praça e ruas próximas, o Mercado Municipal, o edifício do Rei da Farinha e o edifício da Quinta do Conde. Tem sido aí

Carta aberta ao vereador do Desporto e Juventude

Caríssimo Vereador Prof. Pedro Silva,

Não seria esta a forma que mais privilegio na abordagem às razões e motivações sobre os mais diversos temas justamente com interlocutores de algum modo próximos. Daí, pensar e decidir que, ao tratar questões do presente como as que passo a colocar-lhe, do interesse público, ainda que de uma faixa específica, a da comunidade desportiva

INACEITÁVEL. Não nos enganem sobre a Praça

Esclarecimento ao direito de resposta da Senhora Dr.ª Eva Cruz

Peço desculpa, aos leitores e à Redação de ‘O Regional’, por voltar a falar da Praça sob o título “INACEITÁVEL. Não nos enganem sobre a Praça”. Não alimento discussões estéreis, mas não fujo às polémicas. Não ignoro as opiniões de quem considero sério e, por isso, sinto-me obrigado a esclarecer.

A greve que desconhece valores humanos

Quando se programa uma greve de forma a tornar inoperacionais os bancos de cirurgia dos maiores hospitais do país têm-se objetivos que, entre eles, não está a penalizar o patrão, pretende-se provocar prejuízos considerados de morte. O objetivo é que morra gente para que as notícias se virem contra um governo, que, quer se queira ou não, foi eleito pelo

O elementar sobre as doenças inflamatórias crónicas do intestino (DII)

As principais doenças inflamatórias crónicas do intestino dão pelo nome de Doença de Crohn e Colite Ulcerosa. Na base destas duas doenças, que se assemelham, existe uma anomalia do sistema imunitário (que ajuda habitualmente a combater os microrganismos) que desencadeia uma inflamação no tubo digestivo e noutros órgãos. São doenças autoimunes, o sistema imunitário agride os tecidos do próprio organismo,

Retrato de uma violência sem rosto

Ele ou ela é educado/a, atencioso/a, carinho/a, protótipo do companheiro/a perfeito/a, mas dentro de quatro paredes transforma-se? Irrita-se com facilidade e tem acessos de raiva? Ameaça, humilha, bate, manipula? Repreende se fala? Repreende se cala? Repreende se faz e se não faz? Não respeita a sua liberdade e dignidade? Promove o seu isolamento, afastando-o/a da família e amigos? Pede desculpa

Regresso passageiro…

#As pessoas são livres para fazer o que querem, elas geralmente imitam se umas às outras. Eric Hoffer –Americano (1902-1983) — Filósofo social. # Os homens pequenos projectam sombras extensas. É sinal