Aprovado financiamento para qualificação do TUS e novas ciclovias

Aprovado financiamento para qualificação do TUS e novas ciclovias

Foram aprovadas as candidaturas a fundos comunitários do projecto de qualificação da rede do TUS – Transportes Urbanos de S. João da Madeira e da criação da nova ciclovia. Em causa está um investimento total superior a 1,8 milhões de euros, com 85 por cento de comparticipação europeia.

As candidaturas haviam sido submetidas, pela Câmara Municipal de S. João da Madeira, em Dezembro último, sendo que a notícia da sua aprovação chegou, como adiantou aos jornalistas o edil Jorge Sequeira, na passada sexta-feira, 8 de Março.
“É uma boa notícia para o nosso município”, afiançou Jorge Sequeira, a propósito da aprovação das duas candidaturas “já elaboradas por este executivo”.
O projecto de qualificação da rede do TUS representa um investimento elegível na ordem dos 614 mil euros, sendo que tem comparticipação aprovada de 85 por cento.
Este projecto visa a melhoria da rede de interfaces dos Transportes Públicos Urbanos de S. João da Madeira, com criação de mais paragens, bem como a disponibilização de um sistema de informação aos utilizadores em tempo real, sendo que a Câmara apresentou duas candidaturas a financiamento europeu no âmbito do Programa Operacional Regional do Norte (Melhoria da Rede de Interfaces e Sistema de informação aos utilizadores).
Segundo informação da autarquia, a concretização desses projectos tem por objetivo aumentar a atractividade do transporte público colectivo e incrementar a sua utilização nas deslocações quotidianas, garantindo, nomeadamente, maior segurança e comodidade nas deslocações e contribuindo para a redução do nível de tráfego individual, com impacto na mobilidade e ambiente, estando prevista também a criação de uma APP dedicada ao TUS.
No âmbito da sua estratégia de implementação de condições para a utilização de modos suaves nas deslocações intraurbanas, a Câmara Municipal de S. João da Madeira aprovou um ante-projecto de criação de cerca de 2,2 quilómetros de ciclovia na Avenida do Vale e na Rua Manuel Vieira Araújo. Esta nova ciclovia tem um investimento elegível superior a 1,2 milhões de euros, tendo sido aprovada comparticipação de 85 por cento.
O objectivo é reabilitar e requalificar os perfis transversais desses arruamentos, dotando-os de passeios e vias cicláveis, de forma a responder às dificuldades de mobilidade intraurbana identificadas e assegurando também «a prática desportiva e de lazer/turismo, constituindo um elemento importante da estratégia de mobilidade do concelho», como se constata na memória descritiva.
Este ante-projecto foi candidatado a cofinanciamento no âmbito do Plano estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU), através do Plano de Ação para a Mobilidade Urbana Sustentável (PAMUS).
No total, estas duas candidaturas representam um investimento total superior a 1,8 milhões de euros, com comparticipação comunitária de 85 por cento.

Joana Gomes Costa

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

  Subscribe  
Notify of