Sociedade

Investimento nas acessibilidades e na criação de parque de estacionamento na Rua Visconde

• Favoritos: 17


Requalificação inclui construção de passeios, passagens pedonais e área de estacionamento de 65 lugares, num investimento municipal de cerca de 250 mil euros. Empreitada, a iniciar em breve, mas ainda sem data marcada.

Irá em breve para o terreno uma empreitada que visa resolver problemas de acessibilidade e mobilidade na Rua Visconde de S. João da Madeira, designadamente no troço que acompanha a vertente nascente do Parque de Nossa Senhora dos Milagres. A informação foi transmitida pelo presidente da Câmara numa visita que realizou, no início desta semana, a essa zona da cidade, e em que participaram também vereadores e técnicos da autarquia.
Jorge Vultos Sequeira adiantou ainda que essa obra permitirá também fazer face a um “problema crónico” que é o estacionamento abusivo que aí se regista, dando nota de que será criada uma área para aparcamento automóvel, requalificando para tal um terreno municipal sem usos existente no gaveto entre a Rua da Restauração e a Rua Visconde e que apontou como “uma ferida aberta” no espaço urbano sanjoanense e que será, desta forma, resolvido, passando a ter uma utilidade.

Financiamento do PRR

Está em causa um investimento de cerca de 245 mil euros, com financiamento de cerca de 30% através do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR). A obra, com um prazo de execução de cinco meses, inclui a melhoria da acessibilidade do referido troço da Rua Visconde, uma das vias estruturantes da cidade de S. João da Madeira, que liga a Praça Luís Ribeiro à zona sul da cidade.
Assim, para além da criação do parque de estacionamento, com capacidade de 65 lugares, a empreitada prevê a reabilitação e construção de travessias pedonais inclusivas, incluindo um acesso, que não existe, à paragem de autocarro que se localiza em frente às instalações da GNR, assim como o rebaixamento de lancis e a aplicação de pavimento tátil nas passadeiras existentes e nas novas.
A ideia é que seja possível que as pessoas possam ter percursos destinados à circulação a pé ao longo de todo este troço da Rua Visconde, como revelou a arquiteta municipal responsável pelo projeto, Maria João Leite, acrescentando que a intervenção contempla ainda o tratamento dos espaços envolventes ao parque de estacionamento, a plantação de árvores, a colocação de sinalização rodoviária horizontal e vertical.

Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa n.º 3941, de 25 de maio ou no formato digital, subscrevendo a assinatura em https://oregional.pt/assinaturas/

17 Recomendações
comments icon0 comentários
0 favoritos
134 visualizações
bookmark icon

Escreva um comentário...

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *