Desporto

Ano novo, vida nova

• Favoritos: 26


Uma vitória importante para Sanjoanense, nem sempre bem jogado mas com muito espírito de sacrifício de toda a equipa, num relvado muito difícil.

Vitória SC, 0 - Sanjoanense, 1

A Sanjoanense entrou no ano 2023 a vencer, pela primeira vez fora de casa a contar para o campeonato, na estreia do treinador, António Barbosa, no banco da Sanjoanense. Um golo de Pedro Pinho, aos 20 minutos, foi decisivo num jogo que não foi fácil para as duas equipas devido as condições climatéricas que se registaram, num relvado pesado mas ainda assim praticável. Com duas partes distintas, a Sanjoanense esteve melhor na primeira, com varias ocasiões de golo desperdiçadas. Aos 10 minutos, Joel Silva assistiu Arnold, que frente ao guarda-redes não foi capaz de inaugurar o marcador. Aos 20 minutos numa transição rápida do ataque da Sanjoanense, Ruben Alves desmarcou Kiko Pereira, este serviu Pedro Pinho, que só teve de encostar a bola para fundo da baliza. O intervalo chegou com a Sanjoanense em vantagem.
Na segunda parte, o Vitória foi atrás do prejuízo, criando algumas oportunidades de golo, mas a defesa e Pedro Mateus foram adiando o golo do empate. À passagem do minuto 60, o poste da baliza de Pedro Mateus evitou o golo do empate com um cabeceamento de Jason. Seria a melhor oportunidade de golo do Vitória no jogo.
Uma vitória importante para Sanjoanense, nem sempre bem jogado mas com muito espírito de sacrifício de toda a equipa, num relvado muito difícil. Com esta vitória a Sanjoanense mantém-se nos lugares de acesso à fase de subida à 2.ª liga, aumentando a vantagem pontual para o 5.º classificado.
Na próxima sexta-feira, às 15 horas, a Sanjoanense desloca-se a Montalegre a contar para 14.ª jornada da Liga 3

Declarações de António Barbosa no final do jogo: “Foi uma vitória do querer e determinação dos nossos jogadores.”

Complexo Desportivo Gémeos Castro
Árbitro: Rui Silva – AF Vila Real

Vitória: Rafa, Zinovich, Alberto Soto, (Giovanni 56), Mutombo, Jason, Sander Ramires (Estrela 68), Gonçalo, Afonso Martins (Diogo Ressurreição 77), Rui Correia, Tounkara e Diogo Ferreira (Gonçalo Pinho 68).
Treinador: Álvaro Madureira

Sanjoanense: Pedro Mateus, Pedro Araújo, Edgar Almeida, Danrlei, Kiko, Jorge Pereira, Pedro Pinho, Ruben Alves (Kelvin 91), João Ricardo (Brazion 56), Joel Silva (Nuno Barbosa 91), e Arnold, (Maranhão 76).
Treinador: António Barbosa
Golo: Pedro Pinho (20)

 

26 Recomendações
56 visualizações
bookmark icon