Opinião

A caminhada da vida

• Favoritos: 27


Esta caminhada é muitas vezes rodeada de sofrimento.
Nela, nem sempre temos o que queremos, como dizia um pensador muito célebre, porque muitas vezes o que queremos não nos faz bem.
As pedras em que tropeçamos às vezes não nos fazem mal, porque nos ensinam a protegermo-nos daquilo que nos fez sofrer. Com elas no sítio certo, construímos a planura do nosso caminho. Mas meu Deus, quantas pedras desalinhadas e postas fora do sítio nos fizeram tropeçar e o nosso mau caminho nos deu cabo da vida. É preciso muita força, muita coragem, muita ajuda,. para não entrarmos em becos sem saída.
É preciso muita dor, para aprender com as lágrimas.
Semeemos flores à nossa volta e à volta dos que nos rodeiam, para alegrar a nossa caminhada, e não é verdade que só semeamos espinhos?...
É preciso muita Fé, para termos esperança, pois para ganhar é preciso perder.
Mas perder o quê, perguntar- me- âo os meus queridos leitores?
- O meu tempo, as minhas comodidades, os meus passatempos favoritos, as minhas horas de descanso, as minhas horas da refeição, o meu convívio com a família e amigos, se quero atingir os projetos que sonhei.
Temos de estar cientes que a vitória sem esforço é ilusão.
Temos de ter consciência que os problemas irão sempre aparecer.
Como agir?...
A comunicação social relata fenónemos violentos na família, no desporto, na diversão noturna, entre outros.
Sabemos muito bem que vingança atrai vingança e a maior virtude dos fortes é perdoar.
Com o Mestre dos mestres aprendi a pensar antes de reagir;
A expôr e não impor as minhas ideias;
A vêr em cada pessoa um ser único no palco da existência;
Com o Mestre dos mestres aprendi o valor da sensibilidade e a navegar nas águas da emoção;
Aprendi também que as coisas mais simples são anónimas, e é nelas que se encontra o segredo da felicidade;
Que a vida sem amor é um livro sem letras, uma primavera sem flores e uma pintura sem côr;
O amor acalma a emoção, tranquiliza o pensamento, rompe obstáculos e faz da vida uma agradável aventura.
Meus queridos leitores, neste Novo Ano desejo-vos as maiores felicidades e que ponhais em prática algumas sugestões dos meus artigos de ética.
Obrigada

27 Recomendações
76 visualizações
bookmark icon