Cultura e Lazer

Cinema e escultura cruzam-se na nova exposição do Centro de Arte Oliva

• Favoritos: 45


“Feixe de Luz: Escultura Projetada, Cinema Exposto” é a nova exposição patente no Centro de Arte Oliva (CAO), em S. João da Madeira

“Feixe de Luz: Escultura Projetada, Cinema Exposto” é a nova exposição patente no Centro de Arte Oliva (CAO), em S. João da Madeira. Aí se “desvenda um século de diálogo” entre as duas artes referidas no título e “um processo recíproco de profunda transformação, que se desdobrou e complexificou ao longo do século XX até aos dias de hoje”, como destaca a curadora, Andreia Magalhães, diretora do CAO.
Esta exposição conta com colaboração de diversos museus e instituições de diferentes países, nomeadamente Cabinet London (UK), Center for Visual Music (USA), Centre Georges Pompidou (FR), Centre National de La Dance (FR), Electronic Arts Intermix (USA), Film Makers Coop (USA), Frenetic Films (CH), Museo Reina Sofia (ES), LUX (UK) e Museu de Arte Contemporânea de Serralves.
Incluindo obras mostradas pela primeira vez em Portugal, “Feixe de Luz” – patente até 22 de janeiro de 2022 - inclui nomes sonantes da arte moderna e contemporânea, tais como Constantin Brancusi, Mary Ellen Bute, Hollis Frampton, João Maria Gusmão + Pedro Paiva, Nancy Holt, Mark Leckey, Babette Mangolte, Lis Rhodes, Susanne Themlitz, Fischli & Weiss e Francisco Tropa.
Na sessão de inauguração, o presidente da Câmara Municipal, Jorge Vultos Sequeira, destacou o apoio da Direção-Geral das Artes e a parceria com o Centro de Arte S. João da Madeira, valência da Associação Cultural Alão de Morais.

45 Recomendações
103 visualizações
bookmark icon