Sociedade

Símbolos das Jornadas Mundiais da Juventude foram acolhidos na cidade

• Favoritos: 6


A cruz peregrina e o ícone de Nossa Senhora Salus Populi Romani, Símbolos da Jornada Mundial da Juventude de 2023, chegaram ontem, na hora de almoço, à renovada Praça Luís Ribeiro onde eram aguardados por centenas de pessoas.

Recebidos no quartel do Bombeiros Voluntários de S. João da Madeira, os símbolos das Jornadas Mundiais da Juventude foram apresentados à cidade na Praça Luís Ribeiro, nesta quarta-feira, 12 de outubro, seguindo, depois, para a Igreja matriz da cidade, momentos acompanhados por muitos cidadãos, que se associaram a esta iniciativa.
A Cruz peregrina, tem 3,8 metros de altura foi confiada por João Paulo II, aos jovens e desde 1984 que percorre o Mundo.
O próprio presidente da Câmara tomou parte nesta ação, inserida na preparação das Jornadas Mundiais da Juventude, evento que decorrerá no próximo ano em Lisboa e que envolverá todo o país na receção aos milhares de jovens de diferentes países que o evento trará a Portugal, onde estará também o Papa Francisco.
Jorge Sequeira e a vereadora Paula Gaio estiveram no pequeno palco montado à Praça Luís Ribeiro, ao lado do pároco de S. João da Madeira, o padre Álvaro Rocha, onde o líder da autarquia afirmou ser “com muita honra e muita alegria que a cidade acolhe os símbolos das Jornadas Mundiais da Juventude de 2023”, símbolos que “viajaram de Roma até à nossa cidade”.
Para o autarca, o facto de S. João da Madeira “participar neste movimento tão global é muito significativo”. Jorge Sequeira deixou o desejo de que as Jornadas Mundiais da Juventude “sejam muito relevantes - seguramente o vão ser - para a paz”., lembrando que “o Papa Francisco tem sido, na cena internacional, uma das vozes que mais tem defendido a paz”.
Este acolhimento em S. João da Madeira inseriu-se na peregrinação dos símbolos da Jornadas  Mundiais da Juventude pelas várias Dioceses de Portugal, anunciando assim o maior encontro de jovens do mundo que está agendado para o verão de 2023, em Lisboa.
A JMJ Lisboa 2023 vai realizar-se entre os dias um e seis de agosto desse ano. O anúncio foi feito em janeiro de 2019, no Panamá, onde foi dada a conhecer a escolha da cidade de Lisboa pelo Papa Francisco para acolher a próxima Jornada Mundial da Juventude, inicialmente prevista para 2022 — mas adiada devido à pandemia.
Recorde-se que a última vez que o Papa Francisco esteve em Portugal foi em Maio de 2017.
A menos de um ano da realização do evento, Álvaro Rocha, explicou na passada semana a ‘O Regional’ que nem tudo acontecerá dentro do novo espaço no piso inferir do edifício do patronato agora inaugurado. “É uma sala com aproximadamente 40 m2. Há também a Capela de Nossa Senhora de Fátima do Parrinho, que foi escolhida como ‘Porto de Abrigo’ para a vigaria de Oliveira de Azeméis/S. João da Madeira”, referiu o padre.

6 Recomendações
81 visualizações
bookmark icon