Cultura e Lazer

Dança nas fábricas, jardim municipal e equipamentos culturais entre esta quinta-feira e domingo

• Favoritos: 4


A bailarina e coreógrafa sanjoanense São Castro é a curadora deste evento alusivo ao Dia Mundial da Dança (29 de abril) que regressa em formato totalmente presencial.

Na edição deste ano, “A cidade Dança”, que decorre entre quinta-feira (28 de abril) e domingo (1 de maio), regressa ao contexto totalmente presencial. O evento, alusivo ao Dia Mundial da Dança (29 de abril), é promovido pela Câmara Municipal de S. João da Madeira e tem curadoria da bailarina e coreógrafa São Castro, natural do concelho.
Várias fábricas de S. João da Madeira, o Jardim Municipal (junto ao edifício da Câmara), a Casa da Criatividade, a Torre da Oliva, o espaço envolvente ao Museu da Chapelaria e Museu do Calçado são palcos do evento, que conta com a participação de vários grupos locais: Armazém 4; Escola de Dança Ginasiano; Clube A4; CDN - Conservatório de Dança do Norte; Escola de Dança Turning Point e Escola Be Dance .
Abrir-se-ão também as portas da Casa da Criatividade a criações de coreógrafos portugueses e dar-se-á, como refere a curadora, “destaque ao encontro com o trabalho de um dos grandes nomes da história da dança contemporânea, Pina Bausch”, através da “presença de uma das bailarinas que acompanhou o seu trabalho durante mais de 30 anos, Julie Anne Stanzak”.
São Castro adianta ainda que “os mais novos terão o devido destaque com um dia dedicado ao desafio de relacionar a Dança e a Matemática” e “um espetáculo onde a brincar se dança, a dançar se cresce e se sonha acordado”.

4 Recomendações
6 visualizações
bookmark icon