Autárquicas 2021

Fátima Santos garante “o mesmo empenho” em qualquer cargo

• Favoritos: 62


A lista da coligação ‘A Melhor Cidade do País’ à Assembleia Municipal, liderada por Fátima Santos, foi a segunda mais votada e a candidata garante que vai trabalhar com ‘o mesmo empenho’.

“Este não era o nosso objetivo”, começa por dizer Fátima Santos, no rescaldo da noite eleitoral, questionada pela comunicação social. “Quando apresentamos as listas aos três órgãos seria para ganhar e foi para isso que trabalhamos”, assegura.
“Não estando hoje a celebrar, é com bastante agrado que percebemos que acabamos por ganhar terreno ao Partido Socialista e isso traz uma energia nova”, completa Fátima Santos.
Nesse sentido, a candidata diz-se também satisfeita por regressar à Assembleia Municipal de S. João da Madeira, fazendo-o “com grande empenho”, acompanhada de “pessoas diferentes”. “Sentimos que inauguramos um ciclo na cidade”, vincou.
Assim, Fátima Santos volta à política “com uma maturidade diferente e uma vontade de fazer diferente muito grande”, conforme indicou.
Quanto à possibilidade de vir a ser Presidente da Assembleia Municipal, sustenta que “reinará a democracia e o PS tendo a maioria no órgão é natural que consiga eleger o presidente”. “Mas desempenharei as funções e o cargo que me for atribuído com o mesmo empenho e a mesma garra”, conclui.
O Partido Socialista perdeu a maioria absoluta, tendo 48% da votação, e a coligação conseguiu 34,35%, elegendo oito deputados, o mesmo número que elegeu em 2017, quando PSD/CDS tiveram 33,01% dos votos.
Já a coligação de esquerda, a CDU, mantém a representatividade, elegendo um elemento, com 6,44% dos votos (em 2017, foram 6,13%).
O BE, que em 2017 com 3,72% da votação não conseguiu eleger, conquistou agora 6,18% dos votos, elegendo um membro para a Assembleia Municipal.

62 Recomendações
32 visualizações
bookmark icon