Desporto

“Neste momento, a minha ideia não é estar na liderança de uma equipa”

• Favoritos: 18


Luís Almeida tem 54 anos e é treinador de futsal. No final de uma época em que liderou o Dínamo Sanjoanense na Liga Placard, o jornal ‘O Regional’ esteve à conversa com o técnico para conhecer a sua carreira e as suas expectativas para o futuro.

O Regional- Antes de ingressar numa vida como treinador, o Luís foi atleta da sanjoanense durante vários anos. Como surgiu o gosto pelo desporto ?
Luís Almeida- O gosto surgiu por estar ligado ao desporto, por estar a estudar desporto. Como estava a estudar desporto fui convidado, na altura, pelo Sr. Virgílio Gomes, que era proprietário de uma equipa de futebol de salão, para jogar. Tinha também amigos meus que jogavam lá e tudo começou aí, aceitei o convite.

R- O TCR foi um dos primeiros desafios da sua carreira. Que impacto teve treinar o clube?
LA- O impacto, acima de tudo, foi estar a treinar uma equipa da terra já no patamar mais elevado a nível nacional. Na altura, o TCR disputava o campeonato nacional da 1ª divisão. Logicamente que aí era super importante desempenhar um bom papel porque, além do TCR estar na 1ª divisão, estávamos já na presença de atletas com muita capacidade e isso era tudo um início e era desafiante.

Artigo dis­po­nível, em versão in­te­gral, na edição nº 3852 de O Re­gi­onal, pu­bli­cada em 15 de julho de 2021.

18 Recomendações
42 visualizações
bookmark icon