Política

Bloco quer psicólogos, nutricionistas e fisioterapeutas para o centro de saúde

• Favoritos: 3


O Bloco de Esquerda reuniu, na última segunda-feira, dia 5, com a administração do centro de saúde de S. João da Madeira.

O Serviço Nacional de Saúde e os Cuidados de Saúde Primários são fundamentais para a população. Por isso, é preciso investir mais e reforçar o número de profissionais e as consultas e serviços prestados no centro de saúde”, explicou Sara. F. Costa, candidata do BE à Câmara Municipal, a ‘O Regional’.
Relativamente aos investimentos a fazer, a candidata assume que na reunião foi-lhe explicado que em todo o agrupamento de centros de saúde que abrange S. João da Madeira, Oliveira de Azeméis e Vale de Cambra “existem apenas quatro psicólogos e um nutricionista para 115 mil utentes. É impossível garantir consultas a toda a gente que precisa com estes números. É preciso contratar mais psicólogos e mais nutricionistas”, enfatiza.
O Bloco reivindica ainda mais fisioterapeutas, profissionais de saúde pública e profissionais para acompanhamento da população com diabetes: “Era importante ter pelo menos dois fisioterapeutas para criar um centro de fisioterapia no centro de saúde e, para além disso, existirem pedologistas para fazer vigilância e tratamento do pé diabético”. À saúde pública, a candidata diz ainda estar a faltar dois médicos e quatro técnicos de saúde ambiental, que entende ser “urgente contratar”.
O Bloco anunciou ainda que irá levantar estas questões, não só durante a campanha autárquica, mas também na Assembleia da República, onde defenderá a contratação de todos os profissionais em falta. Na reunião, além da candidata do BE, marcou ainda presença Moisés Ferreira, deputado bloquista na Assembleia da República, e Eva Braga, dirigente local do partido.

3 Recomendações
2 visualizações
bookmark icon