Sociedade

Vai nascer uma torre de 20 andares junto ao Museu da Chapelaria

• Favoritos: 54 • Comentários: 7


Tratou-se do "pontapé de saída” para a execução de um Plano de Pormenor, da autoria de Eduardo Souto Moura, onde está previsto um parque verde da autoria de Sidónio Pardal, e que irá requalificar uma zona da cidade, criando uma nova centralidade

Dois grandes nomes da arquitetura portuguesa estiveram em S. João da Madeira para anteciparem a transformação que está prevista para a zona das Corgas, limitada pela Rua Alexandre Herculano, Avenida Arantes e Oliveira, Museu da Chapelaria e antigo Complexo da Oliva. A sessão pública, promovida pela Câmara Municipal de S. João da Madeira, decorreu no auditório dos Paços da Cultura, onde foram abordadas as linhas orientadoras do Plano de Pormenor, aprovado já em 2012, com particular destaque para o parque urbano aí previsto.
Eduardo Souto Moura veio apresentar o Plano de Pormenor, que elaborou para essa área do concelho, e explicou tratar-se de um parque urbano que tem construção à sua volta. “Este plano vai contribuir para uma geografia diferente. É um movimento moderno. Não é vanguardista. Não quero desenhar cidades radicais”, disse o arquiteto.
Neste projeto está definida a construção de uma torre nas traseiras do Museu da Chapelaria. Apesar de considerar que haverá sempre vozes discordantes, disse que, “quer se queira, quer não, a construção de torres são a cidade do futuro”. De acordo com a planta de implantação desse instrumento de planeamento, a área verde pública terá perto de 37 mil metros quadrados e nascerá em volta do troço da linha de caminho-de-ferro do Vouga, que atravessa a zona das Corgas, a poente da Avenida dos Combatentes da Grande Guerra e da Rua Oliveira Júnior.

Ar­tigo dis­po­nível, em versão in­te­gral, na edição nº 3850 de O Re­gi­onal, pu­bli­cada em 1 de julho de 2021.

54 Recomendações
comments icon7 comentários
7 favoritos
3270 visualizações
bookmark icon

7 pensamentos sobre “Vai nascer uma torre de 20 andares junto ao Museu da Chapelaria

    Desculpe, os comentários estão fechados.

    Mais antigo
    Mais recentes
    Mais recomendado