Educação

Entrevista à diretora do nosso Agrupamento, professora Anabela Brandão

• Favoritos: 72


Os repórteres do 8.ºD entrevistaram a Diretora do AESL, Dr.ª Anabela Brandão, que exerce este cargo deste 2013. Durante uma aula, os alunos perguntaram e a professora Anabela respondeu.

8.ºD: Agradecemos a disponibilidade para nos conceder esta entrevista e começaríamos por perguntar qual o seu percurso pessoal e como profissional da educação até chegar ao momento em que estamos?
Sempre quis ter uma atividade relacionada com a área da Matemática, por isso licenciei-me em Matemática na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, optando pela via educacional. Vim para a Serafim Leite três anos depois de acabar o curso. Em 2001, fui convidada para ser vice-presidente do Conselho Executivo, cargo que desempenhei até 2009. Nesse ano, fui Coordenadora Educativa das Escolas Entre Douro e Vouga. Desde 2013 sou diretora do Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite.

8.ºD: O que a motivou a candidatar-se, em 2013, à Direção do nosso agrupamento?
Em 2013, candidatei-me a este cargo e isto tornou-se um desafio e uma missão de vida. Gosto muito de trabalhar com os profissionais deste agrupamento e como tenho conhecimento de gestão de estabelecimentos de ensino, decidi colocar o meu conhecimento ao serviço da educação.

8.ºD: Como Diretora de escolas com uma larga tradição em S. João da Madeira, quais são os principais valores que orientam a sua atuação no desempenho deste cargo?
Os valores que me orientam são aqueles que nos devem definir enquanto sociedade. São eles os valores da não discriminação, do respeito, da democracia, da igualdade, de honestidade e, principalmente, liberdade. A liberdade exige responsabilidade, por isso como diretora eu tenho de ouvir toda a gente, respeitando diferentes pontos de vista, e tendo muito cuidado com a minha intervenção, para manter o bem-estar de todos, não podemos esquecer que “a nossa liberdade termina onde começa a dos outros”. Foi porque quero que o mundo seja melhor que me tornei diretora, porque acredito que aquilo que nos define são os valores dados pela educação e devemos defender sempre os nossos princípios e valores se estes são bons.

Ar­tigo dis­po­nível, em versão in­te­gral, na edição nº 3844 de O Re­gi­onal, pu­bli­cada em 20 de maio de 2021.

72 Recomendações
49 visualizações
bookmark icon