Política

Obras no mercado com mais mão de obra para acelerar execução

• Favoritos: 24


A empreitada no mercado vai ter um reforço de mão de obra para aumentar “o ritmo de execução” e a autarquia pede compreensão dos sanjoanenses perante o número de desvios de trânsito e valas abertas que existem, no momento.

Na reunião da Câmara Municipal de S. João da Madeira, que decorreu, na passada terça-feira, dia 28, o vereador da coligação PSD/CDS, Paulo Cavaleiro, chamou à atenção para as obras no mercado. “A situação tornou-se mais complexa” com a intervenção que decorre na Avenida Arantes e Oliveira, o que gera mais “preocupação” nas pessoas.
Na resposta, o Presidente da Câmara, Jorge Vultos Sequeira, justificou que a obra teve “algumas vicissitudes ligadas ao covid” e “a esclarecimentos que os projetistas teriam de dar ao empreiteiro”. Salientando que “era desejável que o ritmo fosse mais acelerado”, o autarca apontou um “reforço de homens”, no mês de maio, para “aumentar o ritmo de execução”.
O autarca pediu “compreensão de todos” e lembrou que “as patologias de que o edifício padecia eram enormes”, considerando que a obra vai trazer “a longo prazo, inúmeras vantagens que superam os inconvenientes do momento”.
Antes disso, já o vice-presidente tinha apelado à “compreensão” dos sanjoanenses face ao número de obras em curso, com desvios de trânsito e valas abertas, na cidade. “Temos tido sempre inúmeras obras em execução, mas, nesta fase, estamos com obras que têm esta particularidade de causar maior transtorno porque incidem em trabalhos na via pública”.

Ar­tigo dis­po­nível, em versão in­te­gral, na edição nº 3841 de O Re­gi­onal, pu­bli­cada em 29 de abril de 2021.

24 Recomendações
comments icon0 comentários
0 favoritos
64 visualizações
bookmark icon

Escreva um comentário...

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *