Desporto

Empate na despedida da Liga Placard de Futsal em Viseu

• Favoritos: 27


O Dínamo Sanjoanense despediu-se da Liga Placard de Futsal com um empate em casa do Viseu 2001, equipa já apurada para o play-off. Bom jogo dos homens de Luís Almeida que terminam a época deixando uma imagem positiva.

Chegou ao fim a aventura do Dínamo Sanjoanense na Liga Placard de Futsal. Em ano de estreia, marcado pela pandemia, os homens de S. João da Madeira queriam prolongar o sonho da manutenção entre os grandes da modalidade, mas a diferença de orçamentos foi implacável. No entanto, fica para sempre a imagem de uma equipa que deixou tudo na quadra, em cada jogo, independentemente do adversário que teve pela frente. Prova disso foi a forma como terminou o campeonato, empatando (2-2) em casa do sexto classificado, o Viseu 2001.

Os homens de Luís Almeida apresentaram-se desinibidos em Viseu, de forma a que a última imagem do clube fosse a mais positiva possível. E surpreenderam os homens da casa que precisavam de pontuar para fugir ao confronto com Sporting ou Benfica no play-off. Foi uma primeira parte equilibrada, com poucas oportunidades de golo, mas foi o Dínamo que chegou ao golo, por intermédio de Valter Batista, aos 11 minutos.

Com o golo a equipa visitante cresceu e colocou em sentido os homens de Paulo Fernandes, que tiveram de correr atrás do prejuízo. O jogo atravessou uma fase mais agitada, e o Viseu 2001 criou uma série de três oportunidades, mas que não conseguiu concretizar, fruto da grande entrega defensiva dos homens do Dínamo Sanjoanense, que seguraram o 0-1 com que se foi para os balneários.

Na entrada para o segundo tempo a equipa da casa veio com tudo, na tentativa de dar a volta ao marcador. Mas, apesar das diversas oportunidades criadas, os visitantes mantiveram-se concentrados, a que se juntou uma excelente exibição de Rui Capelas, adiando o golo do Viseu 2001.

O tempo ia passando e a ansiedade dos visienses aumentava, até porque a necessidade de pontuar, conjugada com os resultados dos adversários diretos a isso obrigava. Até que, à passagem dos 34 minutos, Kiko conseguiu igualar a partida numa jogada de insistência.

Entrávamos numa fase do jogo bastante frenética, com alternância no marcador e incerteza quanto ao desfecho final. No minuto seguinte, responderam os homens do Dínamo, através de Tiaguinho, que repôs a vantagem para os visitantes (1-2).

Este era o período mais produtivo da partida, fruto da velocidade imposta na quadra. A provar isso, aos 36 minutos, Lukinhas voltou a restabelecer a igualdade (2-2).

A faltar um minuto para o final da partida, Luís Almeida pediu um desconto de tempo e arriscou no 5x4, com Nando Costa como guarda-redes avançado, mostrando algum arrojo, mas o resultado não voltou a sofrer alteração. O Dínamo despediu-se com um empate (2-2) em casa do Viseu 2001, equipa que terminou a fase regular na sexta posição. Já a equipa que viajou desde S. João da Madeira, terminou a sua participação na Liga Placard de Futsal, na 18ª posição, com nove pontos.

27 Recomendações
comments icon0 comentários
0 favoritos
144 visualizações
bookmark icon

Escreva um comentário...

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *