Geral

Misericórdia continua sem casos e a apostar na vacinação

• Favoritos: 8


Depois do levantamento de restrições nos seis equipamentos e sem casos positivos de SARS-CoV-2 há várias semanas, a Misericórdia continua a apostar na vacinação e nos rastreios, que esta semana chegaram às creches e ao pré-escolar.

A Santa Casa da Misericórdia de S. João da Madeira, após superar o surto de SARS-CoV-2 e do levantamento de restrições nos seus seis equipamentos, continua a apostar nos rastreios e na vacinação da doença, segundo o relatório de 8 de março.
Em comunicado, referem que foram feitos rastreios a 10 trabalhadores, “todos com resultado negativo”. Esta medida foi agora alargada às creches e a estabelecimentos de ensino pré-escolar, já com a primeira testagem, que decorreu na última segunda-feira, dia 15.
A mesma nota refere que serão implicadas nos rastreios quatro creches e três estabelecimentos de ensino pré-escolar, onde o número de trabalhadores ascende aos 80.

Ar­tigo dis­po­nível, em versão in­te­gral, na edição nº 3835 de O Re­gi­onal, pu­bli­cada em 18 de março de 2021.

8 Recomendações
42 visualizações
bookmark icon