Política

Sanjoanenses apontam uso indevido de glifosato e BE vai questionar Ministério da Agricultura

• Favoritos: 4


Munícipes já questionaram a câmara e Bloco de Esquerda vai questionar Ministério da Agricultura, enquanto que a SUMA garante estar a cumprir a lei.

Depois de munícipes sanjoanenses questionarem a Câmara Municipal de S. João da Madeira sobre o uso de glifosato, sem aviso prévio, o Bloco de Esquerda vai questionar o Ministério da Agricultura.
A autarquia esclareceu que o objetivo é substituir o produto gradualmente e que a SUMA garante estar a cumprir a legislação.  A cidadã Ana Couto relatou que viu um aviso da empresa SUMA numa árvore, e que “teriam colocado herbicida nos passeios” sem aviso prévio. Segundo a munícipe, o aviso, que estava colocado numa árvore, perto da Praça da República, tinha a data de dia 13 de janeiro e referia que, no dia 12, tinha sido colocado ali um produto chamado Montana Sapec. Depois de investigar, a munícipe concluiu que se tratava de um concentrado de glifosato.
Nesse sentido, Ana Couto e Maria Luísa Ramalho contactaram a câmara, por email, não tendo obtido ainda resposta, sendo que fonte da autarquia avançou a ‘O Regional’ que a resposta, elaborada pelos serviços municipais, está quase finalizada.
As munícipes falaram à comunicação social, numa conferência de imprensa, agendada pelo Bloco de Esquerda, que decorreu na Praça da República, na passada segunda-feira, dia 15, contando com a presença dos deputados bloquistas eleitos pelo círculo de Aveiro, Moisés Ferreira e Nelson Peralta.

 

 

4 recomenda
comments icon0 comentários
0 favoritos
9 visualizações
bookmark icon

Escreva um comentário...

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *