Sociedade

Números de covid-19 dispararam na cidade desde o início do ano

• Favoritos: 3


Só em cinco dias, surgiram mais de 150 novas infeções, estando S. João da Madeira no nível de risco “muito elevado”.

A pandemia de covid-19 está de regresso, em força, ao município mais pequeno do país. Só nos primeiros dias de 2021 foram confirmadas cerca de 150 novas infeções por covid-19 em S. João da Madeira.
A situação é muito crítica e grave. Renovo os apelos que tenho feito para que todos adotem as medidas de segurança adequadas”, refere o presidente da Camara de S. João da Madeira. Jorge Vultos Sequeira adianta ainda que o município “afetou funcionários do turismo, desporto, educação e cultura à saúde pública e à proteção civil, com vista a auxiliar o rastreio e contribuir para a contenção e controlo do vírus”.
De acordo com um relatório divulgado diariamente pela autarquia, o número de novos casos de infeção pelo SARS-CoV-2 tem aumentado desde a primeira semana do ano. Assim, no dia cinco, surgiram 47 novos casos. Um dia depois, mais 35 novas infeções. Dia sete, o número fixou-se nos 26 casos, dia oito, 12 novos casos e, dia 10, mais 23 casos confirmados.
João da Madeira, concelho com cerca de oito quilómetros quadrados de área, uma população residente de 21 700 habitantes e uma população móvel de aproximadamente o dobro, segundo o relatório epidemiológico da autarquia publicado no dia 10, e embora não indicando o número de casos ativos, menciona que “não tem sido possível” atualizar o número de vigilâncias desde 22 de outubro, devido ao aumento do volume de trabalho da autoridade de saúde local, que fornece os dados à Câmara Municipal. “O número total de vigilâncias ativas no conjunto dos concelhos abrangidos pela USP Aveiro é de 1545”, refere a mesma nota, que acrescenta que existem 1543 confirmados, “mais 23 casos de infeção desde o início da pandemia do que o dia anterior (10 de janeiro)”. Dia 11, terça-feira, verificou-se uma subida de 19 novos casos (1562).
Com o aumento de infeções, S. João da Madeira está entre os concelhos de risco “muito elevado”, pois apresenta uma incidência com mais de mil casos por cada 100 mil habitantes, acima dos 960 definidos, passando o total de 551 para 606 novos casos.
O distrito de Aveiro, onde a ARS-N abrange sete municípios, contabilizou mais 48% de novos casos de infeção pelo SARS-CoV-2, tendo passado de 735 novos casos para 1091, entre a semana do Natal e o Ano Novo. Neste distrito, apenas os concelhos de Arouca e Espinho contrariaram o crescimento. Os restantes municípios de Aveiro registaram aumentos superiores a 50%.

Portugal não está a conseguir conter a curva dos novos casos

Segundo os dados revelados esta semana pela Direção-Geral da Saúde (DGS), o ano começou com 6951, no dia 1, subindo a meio da semana seguinte, com 10 027 novas infeções registadas no dia 6 (quarta-feira), atingindo depois o máximo, desde o início da pandemia, na passada sexta-feira (08/01), com 10 176 novos casos.
Para Fernando Maltez, o confinamento já deveria ter sido imposto. “Hoje, se calhar, já vamos um pouco atrasados”. O infecciologista acredita que a subida nos contágios nos últimos dias, que em muitos casos ultrapassa os 10 mil, se deve ao “desleixo” da população no cumprimento das medidas durante o Natal e Ano Novo, explicado pela “esperança sobre a vacina e pelo cansaço em relação às restrições”. Fernando Maltez alerta mesmo que “é fundamental que as pessoas se consciencializem de que têm de cumprir as medidas restritivas que estão difundidas”, enfatiza.
Portugal não está a conseguir baixar a curva de novas infeções, uma vez que tem o dobro da incidência da Alemanha de novos casos de covid-19. Segundo o jornal Público de terça-feira, dia 5, Portugal é um dos poucos países europeus que não está a conseguir conter a curva dos novos casos.

 

Saída de depuração de anúncios

O anúncio é exibido na página

post atual: Números de covid-19 dispararam na cidade desde o início do ano, ID: 408

Anúncio: Anúncio criado em Março 8th, 2021 11:46 (1229)
Posicionamento: Depois do conteúdo (depois-do-conteudo)





Encontre soluções no manual
3 Recomendações
1 visualização
bookmark icon